23 de jun de 2008

Garage sale II - finalização

Bem, nesta semana estamos finalizando o nosso garage sale e pudemos viver um pouco na precariedade ( se podemos falar isto ). Nossas coisas indo embora e muitas outras já dentro de malas... por causa disto, vira e mexe, vamos pegar algumas coisas e ninguem sabe onde está, tudo está de pernas para o ar e a casa fica muito movimentada, náo temos sossego pq a cada minuto o celular toca e alguem quer vir comprar... graças a Deus!
Fizemos no dia 14 e 15 de junho e acho que vendemos 70% de nossas coisas, por incrível que pareça, aconteceu o contrário do que estávamos acostumados a ler. Sempre nos falavam que as peças grandes e os eletrodomésticos maiores saiam e os pequenos ficavam para depois mas, a nossa realidade foi diferente, vendemos tudo e ficaram as camas e eletrodomésticos grandes, como freezer e maq. de lavar roupa. Estáo vendo como Deus é bom e providencia tudo! Como só queríamos sair na próxima sexta, estamos ainda aqui com as camas, fogáo e tudo mais que precisamos para ficar bem... afinal todo o apt é com armários e móveis embutidos e fica tudo certinho, mesmo com as vendas bem adiantadas.
Neste último final de semana anunciamos no jornal pela primeira vez e vendemos muito do que restou e na sexta feira já estou planejando nossa saída.
O saldo foi muito positivo e recebemos muitos elogios em relação à organização. Tudo muito dividido e etiquetado, defeitos descritos e preços tb, entáo quando o pessoal pega e decide levar, nós já tiramos a etiqueta e passamos para a ficha de compra do garage, isso finaliza a venda com tudo listadinho.
Esse final de semana vamos finalizar, vou apelar e aceitar o VISA do consultório hehe, isso sim vai ajudar a liquidar o resto de ítens que ainda temos.
E... vamos para a casa da mamãe!!! Isso é que é vida!!! Pena que por pouco tempo...
Camila

12 de jun de 2008

Dia dos Namorados!


Sempre tive muita fama de ser frio, racional e pouco emotivo, mas isto não quer dizer que eu seja realmente assim! O negócio é que eu não gosto muito de expressar meus sentimentos... Talvez seja um modo de ficar na defensiva contra uma exposição além da zona de segurança; ou talvez seja por medo de me decepcionar, sei lá.

Mas como a Camila vive insistindo para eu me abrir e falar mais sobre meus sentimentos, vou falar um pouco sobre nós.

Na verdade nós não tivemos muito tempo de namoro, pois entre nos conhecermos e nos casarmos, passou oito meses, sendo somente 5 meses de namoro. Mas acho que nossa vida de casados foi por muito tempo, e ainda é (pelo menos da minha parte), uma fase madura de um namoro que foi, apesar de curto, muito intenso e apaixonado. Cada um de nós tinha saído de um namoro demorado e conturbado e conhecermos um ao outro,penso eu, foi uma ação de Deus, pois morávamos em lugares opostos de Brasília e fomos nos conhecer em outro lugar mais distante ainda, num consultório onde trabalhávamos.


Agora que estou passando as fitas de vídeo antigas para DVD no intuito de diminuir volume da bagagem, sou "obrigado" a rever todas elas e confesso que é um ótimo passatempo. Nos rever mais jovens, com as crianças ainda pequenas, faz lembrar de um tempo em que nosso amor era diferente, mais imaturo, mais rebelde e sem nenhuma idéia de como seria o futuro.


Hoje estamos mais velhos, mas não menos inquietos. Temos agora um objetivo definido para nosso futuro, mesmo que incerto. Mas o que é certo nessa vida além da morte? O importante é unirmos as forças e juntos fazer um ao outro feliz, cada um a sua maneira.


Pode parecer piegas, mas gosto de pensar no amor como um quebra-cabeças, onde no começo as peças estão misturadas e a imagem original esta lá na figura da capa mas em tamanho menor. Se tivermos persistência, paciência e quisermos ver o amor crescer, vamos encaixando as peças pouco a pouco e no final voilá: a imagem maior, mais firme e mais bonita.


Esta postagem é para homenagear a minha eterna namorada, que, apesar dos cabelos brancos já aparecendo entre os castanhos e os pintados, continua sendo a menina engraçada, inteligente e ainda surpreendente que eu tive a felicidade de ter sido colocada no meu caminho!


Com amor,



José Roberto

5 de jun de 2008

Agora é a nossa vez!!! Garage sale...

O nosso dia chegou! Sempre via todos os conhecidos e o pessoal dos grupos de imigração falarem sobre o "garage sale"mas nunca achava que nossa vez fosse chegar.
Enfim, nosso garage sale será no dia 14 e 15 de Junho e os preparativos estão de vento em popa... tudo devidamente listado, preços verificados, tudo limpo e organizado para este dia que esperei tanto... afinal, esta será a cota do nosso dinheiro reservada à montagem de nossa casa no Canadá... então tem q ser um sucesso! Quero tudo bem arrumadinho lá também. :)
Sempre dizia que não iria me importar em vender o resto de nossas coisas, digo resto porque a grande maioria fizemos ano passado quando nos mudamos do nosso apt, mas "ledo engano", estou me sentindo completamente incomodada com toda esta invasão de privacidade e por isso, passando para o lado dos que vendem tudo de suas casas, vou colocar aqui algumas frases que NUNCA devem ser faladas aos proprietários do Garage sale:
1- Nossa! quanta bunginganga!
2-Náo acredito que vc pagou isto por este móvel!
3-Vcs só podem estar loucos de vender tudo o que tem!
4-Estou louca para vcs não venderem nada e deixarem eu tomando conta de suas coisas...
5-Já que vcs não precisam do dinheiro (???) porque não doam tudo?
6- Tem certeza que vai vender isto?
7- Vcs são consumistas heim...
Bem, estas são algumas das pérolas que já escutamos e outras, alguns amigos nos contaram que acontece, não é Valéria?
Esperamos que nossas vendas superem as expectativas e que possamos tb ajudar outras famílias que se beneficiarão dos preços e da qualidade de nossas coisinhas.
Vamos lá... etiquetar...listar defeitos...organizar...desenterrar trecos...nos desapegar dos bens materiais... despojar um pouco também e aproveitar desta oportunidade que estamos tendo de renovar a nossa casa e mudar os ares!
Minha blogueira favorita, a Mylene, um dia disse uma frase que sempre penso>
"se tudo der errado... vou virar hippie!!!"

beijinho e vou tentar colocar o nosso convite copiado mas, com plágio autorizado pelos nossos amigos Léo e Bárbara ( a quem agradeço a ajuda).