24 de jan de 2009

Minha vinda ao Brasil

    Estes últimos 10 dias estou passando no Brasil e desta vez teve um gostinho bem especial porque foi uma vinda mais tranquila, sem tantas festas de família e com mais detalhes.
    O Sol foi o que mais me encantou, acho que estes meses no Canada nos fazem valorizar um pouco mais o calorzinho. Eu que nunca tomei sol, por isso sou branquela, nestes últimos dias, tenho procurado "calangar" um pouco mais. Tudo esta me encantando, os jardins da casa dos meus pais e as roupas completamente coloridas que vejo na rua junto com as sandálias e rasteirinhas.
Trabalhar também é muito bom e edifica a alma, ter muitos compromissos marcados com vc é valorizante e soa até estranho nesta altura do campeonato... rendez-vous comigo? ADOREI!!!
        Estar perto da família, dos amigos e andar em Brasília em época de ferias é maravilhoso. Ir ao salão, fazer a unha, escova, lanternagem e pintura rsrsr é bom demais :)
     Mas, como tudo nesta vida, a casa da gente é onde fica nosso coraçao e o meu esta no Canada, onde estão meus filhos e meu marido( que ja esta otimo e recuperado do tombo ). Meus pais estão aqui mas, depois de um mês juntos no Canada, a despedida tende a ser menos traumática. Fico morrendo de saudades de todos antes de ir, irmao, cunhada, sogra, primos, afilhados e até dois menininhos que vao nascer em março mas, estou indo embora feliz e certa de que esta experiência é maravilhosa para todos que tem coragem. 
      Dia 9/2 eu recomeço a francisaçao, o recreio acabou e foi tudo como a coordenadora do curso da Laval me disse, ja confirmaram meu retorno e estou muito feliz por isso. Esta pausa foi boa, pude ficar mais em casa, acertar Cv e lettre, entregar minha monografia do MBA e ainda vir ao Brasil duas vezes, agora é estudar e estudar francês, afinal, ja passou da hora de falar e entender tudo sem erros e pardons...
        Ah, antes de terminar nao posso esquecer de agradecer aos amigos que ajudaram a gente no dia do acidente do JR. Procopio e Manu, Flavielle e Adolfo, Alexandre e Valeria ( que depois, quando o JR achou que estava infeccionando, tinham 1 caixa de amoxilina que nos deixou enormemente tranquilos. Amiga, ja tem outra na mala tà! rsrs ) e a todos que ligaram e rezaram para que ele ficasse bom logo. Obrigada de coração!
           até mais,
           Camila

1 de jan de 2009

Nossa experiência no hospital de Quebec

Ola!
Hoje estamos bem melhor do que anteontem, porque passamos o maior apuro com o José Roberto.
Meus dois homens daqui sao patinadores de vitesse e como sempre vao juntos para as aulas, um no interior ( Vitor ) e o JR na pista exterior do centro de patinação. Quando o telefone toca e era o Vitor me dizendo para ficar tranquila e pedindo para eu ir para la logo porque o pai dele estava bom mas bem machucado. O José Roberto foi fazer aquelas curvas, estilo vitesse e caiu no gelo, ele disse que conseguiu colocar a mao mas, foi em vao porque a mao escorregou e ele caiu de cara no chão, resultado, rosto todo machucado e muito sangue. Coitado do meu marido, estava tao palido e debilitado que achei que ele tivesse quebrado o condilo.
Fomos nos para o Chuq, que é um dos hospitais mais cheios daqui. Ja estava com meu coração apertado pq sabia que a espera seria longa, de tanto ouvir falar e ler nos blogs. Mas, mais uma vez a cidade de Quebec nos surpreende, chegamos e ele foi direto para a avaliaçao, nao tinha o prontuario aberto no hospital e tivemos que abrir um tb, isso tudo demorou 10 minutos e o JR foi chamado. Quando entrei no hospital e vi aquela estrutura, fiquei boba, é muita riqueza, muito equipamento, uma fartura de material e os equipamentos de ultima geração. Ele foi muito bem atendido, triado pela enfermeira, colocado na maca dele
 ( achei isso muito interessante, aqui colocam tudo do paciente naquela maca e ele anda por todo lugar com ela ), testaram todos os sinais vitais e so depois veio o medico que fez um exame bem criterioso. Lógico que aproveitou e abriu a loca cirúrgica no lábio dele, ai sim, vimos o estrago, coitado.
Ele foi levado para o centro cirúrgico, o medico fez uns 10 pontos no lábio e alguns internos, ficamos de olho em tudo, ate na numeração do fio, pq, como dentistas, boca é sagrado. 
Nota 10... atendimento nota 10...
Após ser suturado, ele foi encaminhado à sala de RX, e foram feitas muitas tomadas radiograficas, coisa de gente criteriosa... fora o equipamento que deu gosto de ver, isso pq sou radiologista :).
Finalmente com nariz roxo, lábio inchado, lábio suturado, muitos hematomas, depois de 4 horas, trouxemos meu engoo para a nossa casinha com mais uma experiencia na vida. 
Nao posso deixar de agradecer e pedir a Deus que conserve nossas amizades aqui, pessoas que realmente podemos contar em qq hora, gente disponível, acabam virando nossa familia nestas terras geladas. OBRIGADA!!!

Feliz Ano Novo!!!

feliz ano novo.jpg


Nossa, é mais um ano que se passa e como sempre tao rápido!

Desejamos a todos que 2009 seja o melhor ano de nossas vidas, que possamos estar com o coração puro e cheio do Espirito Santo para podermos aceitar o plano de Deus em nossas vidas.

Aqui no Quebec a comemoração foi bonita e fria. Numa noite de temperatura baixíssima -17, fomos todos para um restaurante na rua mais movimentada daqui, foi muito bom e digamos um Reveillon multiregional, tinha gente de Gatineau, Montreal, Rio, Brasilia... éramos 20. Tudo estava muito arrumado e organizado ( caracteristica de nossa cidade ) e graças ao Procopio que escolheu o restaurante, pudemos desfrutar de um menu de primeira.

A todos os amigos que estão longe, desejamos estar este ano mais próximos ainda, pelo skipe, msn, telefone e pela saudade.

Fiquem cheios de Deus neste novo ano que começa hoje

beijos,

Camila e família.